A escolher um mercado para o trading dos CFD

Lesson 2 of 6

A negociação dos CFD sobre Ações

Os CFD sobre as Ações tendem a ser uma forma mais acessível de negociar nas Ações em comparação com a negociação tradicional, particularmente ao tratar-se da forma como toma uma posição e dos custos envolvidos.

A mecânica de negociação

Com a negociação de Ações tradicional, compramos e vendemos as Ações diretamente por um preço de mercado específico. No entanto, os CFD sobre Ações não envolvem a detenção da Ação em si e são, em vez disso, negociados em contratos padronizados (standard). O tamanho do contrato é geralmente representativo de uma Ação na empresa que está a negociar. Por exemplo, para abrir uma posição que simule a compra de 500 Ações da Apple, comprarias 500 contratos de CFD da Apple.

As negociações de CFD são sempre na mesma divisa que o ativo subjacente. Assim, uma vez que a Apple é uma Ação dos EUA, o preço do CFD é cotado em dólares. Se o dólar não for a moeda base na tua conta, pode existir uma taxa de conversão de moeda para alterar qualquer lucro que tenhas para a tua moeda habitual. Na IG, a nossa taxa standard é de 0,5% e, por norma, realizamos a conversão automaticamente.

Os custos

Na negociação tradicional, geralmente recorres a um corretor que compra ou vende as Ações no teu nome. O teu corretor negociará as Ações ao preço atual de compra ou venda disponível no mercado subjacente e, em seguida, cobrará uma comissão com base no valor das Ações.

Ao negociar os CFD sobre as Ações, os custos de negociação destinam-se a simular a negociação no mercado subjacente. Os fornecedores fazem corresponder os preços de compra e venda do mercado subjacente e cobram uma pequena comissão quando abres e fechas uma negociação.

Aqui estão alguns exemplos das comissões padrões da IG, por região, para os CFD sobre Ações:

Mercado Comissão ao abrir e ao fechar Custo mín. (online) Custo mín. (telefone)
Reino Unido 0,10% 10 £ 15 £
EUA 2 centavos por Ação 15 $ 25 $
Euro 0,10% 10 € 25


Podes encontrar informações para todos os mercados nas páginas de informações dos nossos productos.

Example

Por exemplo: Digamos que a A plc, uma das principais Ações do Reino Unido, está a ser negociada no mercado subjacente a um preço de venda de 2015 e a um preço de compra de 2017 (equivalente a 20,15 £ e 20,17 £). O teu fornecedor oferece as Ações ao preço de mercado, mas cobra 0,1% de comissão sobre o valor total da posição.

Assim, se decidisses “comprar” 1 000 Ações sobre os CFD, o custo final seria calculado como 1 000 x 20,17 £ x 0,1% = 20,17 £

Os CFD sobre Ações estão livres do imposto de selo, uma vez que não és o proprietário das Ações subjacentes. Mas terás de pagar o imposto de ganhos de capital sobre quaisquer lucros. Lembra-te de que as leis fiscais estão sujeitas a alterações e dependem de circunstâncias individuais. A legislação fiscal pode diferir noutra jurisdição que não o Reino Unido.

Posição curta

Ao negociar os CFD sobre Ações, é geralmente mais fácil tomar uma posição curta sobre Ações do que através da negociação tradicional, novamente porque estás a especular sobre o preço das Ações, em vez de comprar e vender fisicamente as próprias Ações.

No trading de CFD, podes simplesmente abrir uma posição de “venda” no mercado escolhido, o que é tão simples como comprar. Para lucrar com a queda do preço das Ações na negociação de Ações tradicionais, terias de contratar um broker para que pedisse as Ações emprestadas e depois as vendesse no teu nome. Podes saber mais sobre esse processo no curso “Como funciona a negociação”.

Alavancagem vs. não alavancagem

Com os CFD sobre Ações, o teu investimento para assumir uma posição é muito mais baixo do que seria se comprasses Ações da forma tradicional, uma vez que os CFD são um produto alavancado. Isto significa que quando realizas uma negociação equivalente à compra de, por exemplo, 1 000 £ de Ações, poderás só ter de realizar um depósito — também conhecido por margem — de 5%, ou 50 £, em vez do montante total. Podes descobrir mais sobre a alavancagem no curso “Ordens, execução e alavancagem”.

No entanto, é importante lembrar que a tua perda potencial é a mesma, quer negoceies as Ações subjacentes ou realizes o trading dos CFD. No exemplo acima, se o pior acontecer e a Ação perder completamente o seu valor, a tua perda máxima é de 1 000 £ em ambos os casos.

Lesson summary

  • Ao negociar os CFD sobre Ações, estás a comprar ou a vender um determinado número de contratos na empresa escolhida, e isso simula a compra de Ações no mercado subjacente;
  • A tua negociação estará normalmente na mesma moeda que o ativo subjacente, o que significa que poderás ter de converter quaisquer lucros para a tua moeda base;
  • Ao negociar os CFD sobre Ações, o custo de negociação corresponde a uma pequena comissão quando abres e fechas a tua posição;
  • Os CFD sobre Ações estão isentos do imposto de selo;
  • Como nunca és realmente o proprietário das Ações, o trading de CFD permite-te lucrar tanto com mercados em queda como com mercados em ascensão;
  • Como os CFD são um produto alavancado, podes investir uma fração do custo total das Ações e obter a mesma exposição.
Lesson complete