Quais fundos e taxas de juros são aplicados a operações financiadas diariamente e CFDs em dinheiro?

Se mantiver operações financiadas diariamente (DFB) ou posição de CFD em dinheiro aberta à noite (após as 22h00, hora do Reino Unido), faremos um ajuste de juros para a sua conta, para refletir o custo de financiar a sua posição. O ajuste de juros se baseia nas tarifas de financiamento interbancário de 1 mês (ex.: LIBOR). Debitaremos de sua conta se sua posição for longa, e creditaremos em sua conta se a posição for curta — se a tarifa de financiamento interbancário for maior do que 2,5%.*

Operações financiadas diariamente e CFDs em dinheiro

Posições longas Posições curtas Posições de moedas
Cobramos 2,5%* acima da taxa interbancária aplicável.
 
Por exemplo: Se a tarifa interbancária de 1 mês aplicável é de 0,5%, será cobrado em 3,00% (anualizado).
Recebe a taxa interbancária aplicável, menos 2,5%*.
 
Se a taxa interbancária for maior do que 2,5%,* creditaremos em sua conta; se for menor do que 2,5%,* sua conta é debitada.
 
Por exemplo: Se a tarifa interbancária de 1 mês aplicável é de 0,5%, será cobrado em 2,00% (anualizado).
Para posições de moedas, cobramos o financiamento com base na tarifa tomorrow-next atual. 
 
A tom-next mostra, em pontos, a diferença entre os juros pagos para o empréstimo da moeda que está sendo vendida nocionalmente, e os juros recebidos por manter a moeda.


*3% em contratos de CFD mini e micro

Perguntas relacionadas

IG Academy

Torne-se um melhor investidor graças a IG Academy. Realize cursos passo-a-passo ou assista a seminários presenciais e a cursos online com os nossos especialistas.

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem.
79% de contas de investidores de retalho perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este fornecedor.
Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco da perda do seu dinheiro.
Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem.